Skip to main content
Reunião ministerial do governo Bolsonaro é a polêmica da semana/PR
Reunião ministerial do governo Bolsonaro é a polêmica da semana/PR

Resumo jurídico da Covid-19 na América Latina: 25 de maio

Relatório do dia sobre as medidas preventivas adotadas na América Latina para conter o coronavírus.
por Ana Karen de la Torre
publicado em02/04/2020
Compartilhar

Veja as principais mudanças legais causadas pelo coronavírus que afetam o setor jurídico. Você também pode revisar o resumo de casos confirmados e mortes na América Latina aqui.


                                                             COBERTURA 25-05-2020

Equador

Nesta segunda-feira (25), a economia equatoriana foi reativada em apenas um terço do país, com 38 das 221 regiões equatorianos passaram da luz amarela no semáforo.

A entrada em vigor do Direito Humanitário desencadeou manifestações nas cidades de Quito e Guayaquil. Alunos e professores convocaram a marcha, considerando inconstitucionais as disposições da lei, uma vez que, entre outras coisas, é estabelecida uma redução no orçamento para o ensino superior.

Na apresentação de seu relatório à nação, o presidente anunciou que será imposta uma contribuição para quem ganhar mais para enfrentar a crise do país devido aos efeitos da Covid-19.

Guatemala

Após rejeitar o veto presidencial contra o Decreto 15-2020, proposto pelo Legislativo, o prazo para sua publicação foi cumprido. Este decreto causou discussões nos poderes, cujo objetivo é garantir a continuidade dos serviços básicos, mesmo sem pagar por eles.

O objetivo deste decreto é apoiar pequenas e médias empresas. Foi estabelecido nele que nenhuma taxa de atraso, juros ou despesas administrativas podem ser aplicadas, bem como multas. Para usuários que não têm a possibilidade de pagar, a opção de financiar contratos de até 12 parcelas foi ativada.

Paralelamente, o National Mortgage Credit (CHN) concedeu empréstimos a empresas que prestam esses serviços básicos.Também foram liberados subsídios para centros educacionais, para pagamento de folhas de pagamento e salários.

Peru

O isolamento social obrigatório foi estendido mais uma vez até 30 de junho, desta vez com o funcionamento de certos setores, como metalurgia, construção, restaurantes, serviços profissionais de sistemas de computadores, substâncias químicas, pesca industrial, insumos agrícolas, têxteis, vestuário e calçados, mas eles devem trabalhar com a modalidade de entrega. Os distritos estão se preparando para autorizar licenças de operação online. O governo também abriu a possibilidade de cabeleireiros trabalharem em casa.

O Congresso aprovou uma lei para declarar emergencial o setor de saúde por um ano; dessa forma, será o órgão legislativo e não o executivo responsável pela reforma abrangente do setor.

Indústria e as empresas de serviços de entrega em domicílio devem contratar um seguro privado para seus trabalhadores, em caso de possível contágio.

Além das medidas do COVID-19, foi anunciado que o Acordo de Livre Comércio com a Índia está progredindo.

Argentina

O país entra em uma nova fase de quarentena. Maiores restrições foram impostas ao trânsito nas ruas. Somente aqueles que precisam executar tarefas básicas ou estão trabalhando nos setores permitidos podem ter certificados de circulação.

O "Programa Global de Relações de Confiança Financeira Solidária" tem como objetivo fornecer assistência financeira ao setor público em seus diferentes níveis de governo: municipal, provincial e nacional. Isso será possível através dos “Trustes Financeiros Solidários” criados pela Comissão Nacional de Valores Mobiliários.

Chile

O presidente promulgou uma reforma constitucional para reduzir os subsídios parlamentares e os salários dos funcionários.

A comissão mista aprovou a extensão da Conta Pública Presidencial a 31 de julho. Além disso, o projeto de lei que permite ao Congresso operar remotamente após a declaração de quarentena de saúde ou um estado de exceção constitucional está avançando. Também está em discussão a lei de co-propriedade imobiliária, que modificará a administração de condomínios.

O Ministério das Finanças informou que está trabalhando para apresentar um projeto de lei ao Congresso para acelerar o acesso ao financiamento no mercado de capitais para grandes empresas.

Brasil

Um vídeo da reunião ministerial de 22 de abril, em que o ex-ministro da Justiça Sérgio Moro diz que Jair Bolsonaro o pressionou a mudar o comando da Polícia Federal, provocou críticas à posição do presidente e ampliou um mau relacionamento entre o governo e a instância mais alta do Judiciário e deu munição à oposição para defender a abertura de um processo de impeachment.

O vídeo é considerado uma peça chave nas alegações feitas por Moro. Entre as ameaças, crimes e blasfêmias, as imagens mostram o presidente pedindo mudanças no governo e pressionando Moro e os outros auxiliares.

Vários trechos e discursos foram controversos e tiveram repercussões ruins em todo o país e também na imprensa internacional. O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, sugeriu que o Executivo aproveitasse a atenção da imprensa na nova pandemia de coronavírus para aprovar "reformas de desregulamentação e simplificação infra-legais" na área do meio ambiente". Medidas como essa facilitam o desmatamento da Amazônia e diminuem a punição aos infratores.

Já o ministro da Educação, Abraham Weintraub, chamou ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de vagabundos e defendeu mandá-los para a prisão. No vídeo, Weintraub também diz odiar os termos "povo indígena" e "povo cigano".

 

                                                  COBERTURA 18/05/2020
 

Chile

Os protestos continuam no país. Dado o aumento dos casos de contágio, decretou-se isolamento social obrigatório em 38 municípios da região metropolitana.

O Banco Central do Chile solicitou uma linha de crédito flexível de US$ 23,8 bilhões ao Fundo Monetário Internacional, para garantir liquidez. Além disso, através de um estudo de viabilidade técnica, o Banco Central e o Central Securities Depository (DCV, sigla em espanhol) receberam o aval para emitir títulos por meio de blockchain. No entanto, ainda é necessária uma base legal para agir.

Um projeto de lei foi submetido ao Congresso para declarar a companhia aérea Latam Airlines de interesse nacional, para proteger os direitos dos trabalhadores. No Brasil, a Latam Airlines considera emitir títulos conversíveis em ações. 

Os consórcios de Falabella e Cencosud cortarão o pessoal.


Argentina

O Poder Executivo prorrogou a suspensão dos prazos para processos administrativos até o dia 24 deste mês. O Ministério da Saúde emitiu uma resolução aprovando diretrizes éticas e operacionais para avaliar a ética  da pesquisa em humanos relacionada à Covid-19.

Peru

O governo fez modificações na lei que controla as fusões da empresa. Prorrogou o prazo de entrada em vigor até 1º de março de 2021. Além disso, criou o Procedimento de Refinanciamento por Falência Acelerada para reagendar as obrigações devidas.

Em termos de infraestrutura, de acordo com o Decreto Legislativo 1486, novos contratos para execução e supervisão de obras devem incluir uma cláusula de suspensão automática.

Os restaurantes já podem abrir, desde que estejam registrados na Superintendência Nacional de Registro Público e suas vendas cheguem a US$ 175. Além disso, o município de Miraflores permitiu que restaurantes e padarias mudassem sua linha de negócios para mantimentos.

México

O Ministério da Saúde estabeleceu diretrizes técnicas para a segurança da saúde no local de trabalho. Continuarão sem funcionar escolas, espaços públicos e atividades econômicas, exceto as essenciais.

Brasil

O Ministro da Saúde em exercício, general Eduardo Pazuello, em seu discurso na Assembléia Geral da Saúde, organizado pela OMS, disse que há "diálogo" com os estados, que o governo apóia os locais mais afetados e apresenta uma estrutura para responder à crise. A Assembléia foi marcada por críticas da ONU contra governos que não deram ouvidos às recomendações da OMS. Ignorado pelas alianças internacionais, o governo brasileiro usa o discurso para dizer que está disposto a fazer parte dos projetos. A explosão de casos, as críticas de Bolsonaro à OMS e a pressão para reabrir a economia foram analisadas na reunião que discute soluções em meio à pandemia global.

 

COBERTURA 11-5-2020

Peru

Começou a primeira etapa da reativação econômica e sua aplicação é apenas para Lima. Na última quinta-feira (7), 208 empresas de comércio eletrônico, restaurantes e empresas de tecidos e roupas foram autorizadas a funcionar. O estado de emergência permanecerá pelo menos até o próximo dia 24 de maio.

Os protocolos de operação sanitária foram publicados por conta da Covid-19 e os critérios de segmentação territorial estabelecidos para as empresas de comércio eletrônico reiniciarem suas atividades.

O Executivo publicou um decreto legislativo para que os funcionários trabalhem remotamente, de suas casas, até o final do ano. Este decreto prevê o fornecimento aos funcionários públicos de equipamentos de informática, mobilidade e equipamentos de proteção individual; além de monitorar a saúde.

Chile

O executivo vetou o projeto de lei aprovado pelo Congresso sobre o bônus mensal para apoiar as famílias em situação de vulnerabilidade. O texto aprovado pelo Congresso não continha valores, então o presidente fez uma observação para correção. A intenção é que o bônus atinja 60% das famílias que vivem com renda informal e com mais de 70 anos de idade. O veto vai nessa direção, para não deixar essa população desprotegida.

A linha de créditos Covid-19 para PMEs está operacional desde a semana passada. Os valores dos empréstimos são iguais a três meses de suas vendas.

Colômbia

O Ministério das Finanças e Crédito Público emitiu um decreto legislativo para criar o programa formal de apoio ao emprego. Com isso, o governo fornecerá uma contribuição mensal para as empresas afetadas nos meses de maio, junho e julho. É um subsídio às folhas de pagamento de empresas com renda reduzida em até 20% devido aos efeitos da Covid-19.

México

Restrições de veículos foram implementadas em seis estados para reduzir a mobilidade de pessoas no contexto da pandemia.

O Instituto Mexicano de Seguridade Social emitiu o acordo autorizando a certificação do status de gravidez e a emissão de deficiências de maternidade em plataformas digitais, embora seja necessário que o segurado vá aos serviços médicos para controle. Essa mesma instituição autorizou a emissão de uma autorização especial de contingência, por incapacidade temporária de trabalho e para determinar o desconto de cotas empregador-empregado nos termos da lei de previdência social.

Brasil

O presidente Jair Bolsonaro emitiu um decreto na segunda-feira que inclui academias, salões de beleza e cabeleireiros na lista de serviços essenciais. A intenção é que essas categorias não sejam afetadas por decretos de governadores e prefeitos que restrinjam o movimento. Na semana passada, o presidente já havia incluído atividades de construção e industriais na lista. O decreto de Bolsonaro faz uma reserva de que "as determinações do Ministério da Saúde devem ser obedecidas".

El Salvador

A Assembléia Legislativa aprovou a Lei de Regulação para Isolamento, Quarentena, Observação e Vigilância, pela Covid-19. Sua aplicação é para pessoas infectadas com o vírus.

Colaboração de Von Wobeser; Basham, Ringe y Correa; Miranda & Amado; Estudio Payet, Rey, Cauvi, Pérez Abogados; Alessandri Abogados; Consortium legal;

 

COBERTURA 27-4-2020

Em vários países, o isolamento social obrigatório foi estendido. No Peru e na Argentina, será até 10 de maio; na Colômbia até 11 de maio. No Equador e no Chile, o "novo normal" deve começar na próxima semana.

Peru

Um decreto de emergência foi publicado no Diário Oficial estabelecendo medidas extraordinárias para reduzir o impacto do isolamento social obrigatório na situação fiscal dos governos locais. A injeção de US$ 91,55 bilhões visa garantir a continuidade dos serviços para atender a emergência de saúde.

O Executivo peruano autorizou a Agência Supervisora ​​de Investimentos em Energia e Mineração (OSINERGMIN) a estabelecer exceções para cumprir obrigações em termos de comercialização e segurança de hidrocarbonetos, para garantir o fornecimento.

A Presidência do Conselho Executivo do Judiciário autorizou o processamento de registros (exclusivamente Judiciário Eletrônico) remotamente durante o período de emergência. Os operadores do Poder Judiciário que utilizam o Arquivo Judicial Eletrônico utilizam software de assinatura digital e certificados digitais, ambos credenciados pela Comissão para a Gestão da Infraestrutura Oficial da Assinatura Eletrônica do Peru (Iofe) do Instituto Nacional de Defesa da Concorrência e proteção da propriedade intelectual (Indecopi).

Equador

O Presidente Lenín Moreno delegou aos prefeitos das cidades a responsabilidade de decidir as medidas, dependendo do seu contexto. Para isso, implementou um tipo de semáforo para distinguir se uma cidade está em sério risco da Covid-19.

Quando um local se distingue pela cor vermelha, ele deverá tomar as medidas fornecidas pelo governo nacional. A cor amarela será um indicador para retomar o trabalho em 50%, até os shopping centers poderão operar a 30%, assim como o transporte público.

Com a cor verde, a atividade de trabalho será permitida em 70%; as empresas podem ter capacidade de 50% e esse mesmo percentual será usado para o transporte público.

Chile

Sebastián Piñera anunciou seu plano gradual de retornar ao "novo normal", com a reabertura de shopping centers, o retorno às aulas e a atividade de trabalho presencial.

Outro anúncio controverso do presidente chileno é a definição do plebiscito pela segunda vez. Ambas as medidas geraram aborrecimento na sociedade; os protestos foram retomados.

Colômbia

As questões judiciais permanecerão suspensas até 10 de maio. As exceções são as ações tutela e habeas corpus, também as ações do Tribunal Constitucional por decretos presidenciais.

Os Tribunais Administrativos e o Conselho de Estado continuarão analisando a legalidade dos decretos presidenciais emitidos no meio da contingência.

Brasil

O número de enterros na cidade de Manaus, uma das cidades mais afetadas pela pandemia no Brasil, quadruplicou nos últimos dias, segundo a Secretaria de Limpeza Urbana. Muitas pessoas morrem dentro de casa.

No distrito de Brasilândia, no norte de São Paulo e um dos mais populosos da cidade, o número de mortes aumentou 50% na última semana. O crescimento indica que a Covid-19 está começando a chegar à periferia da cidade.

Em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, alguns hospitais registraram acúmulo de corpos de pessoas mortas pelo coronavírus nos corredores. A aglomeração se deve ao fato de os necrotérios da cidade estarem cheios.

Guatemala

As medidas de isolamento social se estendem por mais uma semana, até 3 de maio. O toque de recolher continuará a valer a partir das 18h até às 4h no dia seguinte A proibição de transporte público, o fechamento da fronteira para voos internacionais e o uso obrigatório de máscaras também permanecerão em vigor.

O país colocou US$ 1,2 bilhão em títulos do tesouro para a Covid-19. Espera-se uma queda entre 2,8% e 3,2% do PIB nacional.

El Salvador

Foi estabelecida uma garantia para proteger os trabalhadores contra demissões. Foi anunciado que os prazos nos processos judiciais e administrativos permanecerão suspensos até 31 de maio e foram anunciadas reformas nos regulamentos de proteção ao consumidor, além de um novo projeto de lei para pequenas e médias empresas.

O Banco Interamericano de Desenvolvimento aprovou empréstimos de US$ 15,4 milhões para serem utilizados na contingência médica gerada pela pandemia.

Foi anunciado que o plano de recuperação econômica envolve US$ 1,1 bilhão.

Costa Rica

A Lei de Contingência Fiscal Progressiva e Solidária em resposta à emergência nacional foi publicada e um projeto de lei foi apresentado para flexibilidade de crédito. Em questões legislativas, também foi aprovado o orçamento extraordinário para atenção à emergência sanitária.

A comissão de 2% sobre a cobrança para compra e venda de moeda estrangeira ficará suspensa até 31 de julho.

República Dominicana

A Diretoria Geral de Impostos Internos anunciou a prorrogação de 30 dias a partir do reinício de suas operações para a apresentação de formulários e fornecimento de declarações mensais. Além disso, empresas e entidades legais poderão solicitar e gerar digitalmente certificações imobiliárias por meio do escritório virtual.

Além das medidas adotadas nos países para enfrentar a pandemia global, no Uruguai, por meio do decreto 129/2020, investidores do setor privado foram incluídos em moradias populares. O Panamá, com a emissão da Lei 29, diz adeus às corporações. No país, é criado o Sistema de Registro Privado e Único de Beneficiários Finais de Pessoas Jurídicas, com a obrigação de registrar as informações dos beneficiários finais de todas as entidades jurídicas.

Com informações de Guzmán Ariza; Ececopar; Correa Merino Agudelo e Consortium Legal.


                                              COBERTURA 20-04-2020

Estados Unidos – Preços negativos no barril de petróleo

Apesar dos cortes de produção alcançados com a Opep e os países aliados, o barril de petróleo dos EUA caiu para o nível mais baixo da história. O valor negociado foi de        - US$ 37, o que significa que os produtores estão pagando para se livrar do combustível, porque o país não possui mais espaço de armazenamento. As notícias tiveram impacto no mercado de ações e nas empresas de petróleo da América Latina.

Equador - O melhor momento

Dado o colapso do preço do petróleo, o ministro da Energia, René Ortiz, indicou que é o melhor momento para eliminar os subsídios aos combustíveis. Em outubro do ano passado, o governo enfrentou fortes protestos ao tentar remover esse auxílio fiscal da gasolina mais consumida. O presidente Lenín Moreno teve que desistir da iniciativa, mas agora tudo parece indicar que será uma realidade. A medida serviria para mitigar o impacto econômico que as finanças públicas sofrerão com a Covid-19.

Chile - O pico das infecções

O governo de Sebastián Piñera começa a mostrar sinais de retorno à normalidade após uma queda nos casos confirmados. Segundo a subsecretária de Saúde, Paula Daza, o país passou de uma taxa de contágio de 2,6% para 1,3%. Pelos dados do governo, 44,5% dos pacientes se recuperaram. Entre as medidas tomadas pelo Executivo, até o momento, destaca-se a publicação de uma instrução para o retorno de negócios “não essenciais”.

México - aumento das restrições de tráfego

O governo do México estende restrições de trânsito "não essenciais" com os EUA. O Ministério das Relações Exteriores afirmou que as limitações permanecem em vigor a partir de 21 de março.

Brasil – Apologia ao golpe militar e fim da quarentena

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participou no fim de semana de atos que criticam medidas de isolamento social, decretadas por Estados e orientadas pelo próprio Ministério da Saúde, quanto os Poderes da República.

No domingo o presidente foi até a sede do Exército em Brasília e discursou para um grupo de defendia a intervenção militar no país. Carreatas e buzinaços foram realizados em outras cidades, o que causou um grande mal estar no mundo político.

Ministros do Supremo Tribunal Federal, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e governadores criticaram o presidente, aumentando a crise que isola o presidente. Em resposta, 20 governadores divulgaram manifesto a favor do Congresso e repúdio a ataques feitos por Bolsonaro à Câmara e ao Senado.

COBERTURA 15-4-2020

Perú

No país, quase 10.000 testes estão sendo aplicados diariamente, uma faixa bastante alta, considerando a média na região. Isso colocou o país na segunda posição em nossa tabela de números de contágio.

 

Um projeto de lei foi apresentado no Congresso para suspender as eleições primárias de partidos políticos em conformidade com o calendário eleitoral. Vale lembrar que as eleições gerais serão realizadas em 2021.

 

Esta é a “Lei Excepcional para garantir a correta execução das Eleições Gerais do ano de 2021”, no âmbito da emergência nacional de saúde da Covid-19. A lei estabelece a restituição das leis anteriores à reforma eleitoral para agilizar os processos, mas estabelece uma taxa de participação de 40% para as mulheres. O país ainda não tem paridade para a integração do Congresso.

 

El Salvador

O Executivo entrou mais uma vez em disputa com o Legislativo pelo período de extensão do estado de calamidade pública. Nayib Bukele, presidente de El Salvador, decretou a expansão por mais 15 dias, até próximo 28 de abril.

 

Essas medidas correspondem ao isolamento social obrigatório, com exceção dos setores de produção e distribuição de alimentos e bebidas, serviços de água, farmacêutico, agrícola e panificação, entre outros.

 

As empresas que realizam atividades não autorizadas serão fechadas temporariamente. A autorização de operações pode ser concedida a outras indústrias vitais, não contempladas, desde que não tenham feito uso da suspensão de contratos de trabalho.

 

O Fundo Monetário Internacional aprovou um empréstimo de US$ 389 milhões para tratar dos efeitos da pandemia no país. O presidente disse que, depois de enviar uma série de cartas pedindo ajuda, conseguiu que a marca Apple doasse 100.000 máscaras para o país e a Novartis 55.000 tratamentos com hidroxicloroquina por mês. Além disso, a Coréia do Sul doou milhares de kits de teste para detectar o coronavírus no país.

 

Colombia

O país permanecerá com as medidas obrigatórias de isolamento social até 26 de abril. Diante da queda no preço do petróleo, foram publicadas medidas de apoio ao setor de hidrocarbonetos.

 

Os contratados podem solicitar a transferência de atividades de exploração ou investimentos entre contratos e acordos já assinados antes pela Agência Nacional de Hidrocarbonetos. Eles podem concordar com extensões dos termos e extensões de alguns estágios da execução contratual. Também foi ativada a modificação dos termos e porcentagens de garantias de desempenho.

 

O Governo determinou a isenção do imposto sobre o valor agregado para serviços de telecomunicações. O Ministério da Tecnologia da Informação e Comunicações estabeleceu que as respostas às solicitações de construção, instalação e operação de qualquer equipamento devem ser fornecidas no prazo de 10 dias úteis.

 

O Executivo definiu que, durante o estado de emergência, o estatuto contratual da administração pública não seja aplicado a compras relacionadas à proteção pessoal ou a dispositivos médicos.

 

Em relação às audiências públicas dos procedimentos de seleção, elas podem ser realizadas eletronicamente, bem como as audiências agendadas para continuar os procedimentos administrativos de sanção.

 

As doações serão tributadas com o imposto sobre valor agregado e não será necessário ter permissão autenticada para fazê-las.

 

Argentina

O Supremo Tribunal, por meio dos acordos 11/2020 e 12/2020, determinou o uso da assinatura eletrônica e digital em atos perante o Judiciário e perante a administração pública. Assim, também abriu a possibilidade de celebrar acordos dos ministros do tribunal por meios virtuais ou remotos, mas em situações excepcionais.

 

O Instituto Nacional de Propriedade Industrial emitiu uma norma para estender o período de suspensão de todos os termos administrativos até 26 de abril.

 

México

Uma norma foi publicada definindo especificações gerais de rotulagem para alimentos e bebidas não alcoólicas e pré-embalagens, que incluem informações comerciais e de saúde. Espera-se que entre em vigor em três fases, a primeira será liderada pela Procuradoria Federal do Consumidor (Profeco) e pela Comissão Federal de Proteção contra Riscos à Saúde (Cofepris).

 

O Conselho Técnico do Instituto Mexicano de Seguridade Social (IMSS) autorizou o uso de instrumentos legais e administrativos para facilitar o pagamento de cotas de trabalho do empregador às empresas.

 

Além disso, a Comissão Nacional de Bancos e Valores Mobiliários emitiu recomendações para o pagamento de dividendos, recompra de ações e outros benefícios para acionistas de instituições bancárias.

 

Nas medidas tributárias, especifica-se que a atividade tributária é considerada “fundamental para a economia”. O Sistema de Administração Tributária (SAT) não suspendeu funções.

 

De acordo com a regulamentação vigente, nenhuma multa será aplicada aos contribuintes que violarem disposições tributárias à força. As penalidades devem ser analisadas caso a caso. De acordo com a Lei do Imposto de Renda, indica-se que serão dedutíveis os empréstimos e perdas com crédito devidos a evento fortuito, força maior ou alienação de bens ao custo que é vendido.

 

Chile

Foi publicada a nova Lei de Renda Mínima Garantida. Espera-se que 700 mil trabalhadores sejam beneficiados. A lei estabelece que o Governo concederá um subsídio de US$ 69 para aqueles que têm salários inferiores a US$ 400 e trabalhem mais de 30 horas semanais.

 

A Sociedade Gestora de Fundos de Desemprego publicou um calendário de ações para que as pessoas possam acessar o seguro-desemprego, estabelecido na Lei 21.227, promulgada em 8 de abril.

 

Brasil

O Supremo Tribunal Federal (STF) definiu nesta quarta-feira que governadores e prefeitos têm poderes para baixar medidas restritivas no combate ao coronavírus em seus territórios. Eles terão poder de definir o isolamento, a quarentena, o fechamento do comércio e a restrição de locomoção por portos e rodovias. O governo federal também pode tomar medidas para conter a pandemia, mas em casos de abrangência nacional.

 

O STF também definiu que estados e municípios têm poderes inclusive para decretar quais serviços são essenciais durante a pandemia e quais setores não devem paralisar atividades. A decisão fortalece governadores e prefeitos, que têm baixado decretos determinando o fechamento do comércio e de escolas, e enfraquece o presidente Jair Bolsonaro, que critica essas medidas e foca na economia.

 

Com informações de Arias, Marval O'Farrell Mairal, Basham, Nader Hayaux e Goebel, Beccar Varela, Brigard Urrutia e Carey.

 

COBERTURA 14-4-2020

Perú

O Executivo publicou o decreto de urgência com medidas complementares para mitigar os efeitos econômicos causados ​​a trabalhadores e empregadores diante da Covid-19. A medida estabelece-se que haverá continuidade dos benefícios de saúde do Seguro Social para todos os trabalhadores em suspensão de trabalho, por toda a duração da suspensão. Da mesma forma, prevê como medidas compensatórias para esses trabalhadores uma compensação pelo tempo de serviço (CTS) até uma remuneração mensal do trabalho.

Os trabalhadores que não possuem um CTS podem solicitar o pagamento antecipado a seus empregadores. Além disso, para os empregadores, o depósito do CTS foi adiado até maio.

Foi anunciado que a multa a ser aplicada a pessoas que não atendam ao isolamento social obrigatório é de US$ 126.

Foram aprovados os regulamentos operacionais do programa "Reactiva Peru", que visa garantir a continuidade da cadeia de pagamentos. É aplicável a novos empréstimos, possui prazo de até 36 meses, no qual são incluídos 12 períodos de carência sem pagamento de juros, que são prorrogados durante o prazo remanescente do empréstimo.

Os créditos financiam capital de giro e não podem ser utilizados para pagar obrigações financeiras devidas.

Chile

O Executivo entrou no Senado com um projeto de lei para suspender temporariamente os prazos para negociação coletiva da Covid-19. Dentro do plano de recuperação econômica do governo, foi estabelecido que os empréstimos para empresas afetadas pelo coronavírus têm uma taxa de 0%.

Em relação às pensões, está sendo debatida uma iniciativa para congelar os fundos daqueles que iniciam seu processo de aposentadoria, para que não se sintam a queda das bolsas em suas economias.

A lei do perdão e a maneira de contar os mortos, como recuperados, são as duas recentes controvérsias no país.

A lei é uma iniciativa que beneficiaria 1.300 idosos presos. Críticas surgiram em razão da defesa do presidente em perdoar prisioneiros que cometeram crimes contra a humanidade durante a ditadura de Augusto Pinochet. Nesse sentido, o Tribunal Constitucional decidiu contra a inclusão de pessoas que cometeram crimes graves. Os presos cumpriam suas penas em prisão domiciliar.

Na explicação de Jaime Mañalich, Ministro da Saúde, os mortos são contados como recuperados, pois não podem mais infectar outras pessoas.

O Poder Executivo permanece firme em não implementar o isolamento social obrigatório por completo.

Brasil 

El domingo comenzará una operación para traer 960 toneladas de máscaras compradas en China por el Ministerio de Salud y costará entre 15 y 19 millones de dólares (80 y 100 millones de reales al 14 de abril). El anuncio fue hecho por el ministro de Infraestructura, Tarcísio de Freitas, el martes. En total, se necesitarán 40 vuelos para llevar el equipo de China a Brasil. La ruta elegida por el Gobierno será a través de Qatar, en el Medio Oriente.

Uma operação para trazer 960 toneladas de máscaras compradas na China pelo Ministério da Saúde começará no domingo e custará entre R$ 80 milhões e R$ 100 milhões. O anúncio foi feito pelo ministro da Infraestrutura Tarcísio de Freitas na terça-feira. No total, serão necessários 40 voos para levar os equipamentos da China para o Brasil. A rota escolhida pelo governo será através do Catar, no Oriente Médio.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, anunciou na terça-feira o início de testes no estado do Rio Grande do Sul para avaliar voluntários expostos a anticorpos contra o coronavírus, denominada pesquisa epidemiológica.

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, deu positivo para coronavírus. Em um vídeo publicado em suas redes sociais na terça-feira, o governador disse que desde sexta-feira (10) não se sente bem, com febre, dor de garganta e perda de olfato. Então ele decidiu fazer o exame. O resultado saiu terça-feira à tarde.

Panamá

O presidente do Panamá, Laurentino Cortizo, anunciou que o país entrou no mercado de ações e conseguiu levantar a quantia de US$ 2,5 bilhões. Além disso, conseguiu US$ 500 milhões do Fundo Monetário Internacional e outros US$ 500 milhões de agências multilaterais de garantia de investimentos, que serão usados ​​para manter o maior número possível de empregos.

Argentina

As contribuições dos empregadores para o Sistema Integrado de Seguridade Social da Argentina foram postergadas. O cálculo dos prazos processuais que regem a tributação para previdência e costumes sociais também foi suspenso entre 13 e 26 de abril.

As entidades gestoras devem oferecer aos poupadores e contratos adjudicados o diferimento da alíquota e dos encargos administrativos. Esse diferimento pode ser feito no máximo em 12 parcelas consecutivas.

Venezuela

Neste domingo, foi prorrogado por mais 30 dias o estado de alarme. Com isso, a quarentena obrigatória, em vigor no país, permanecerá até 12 de maio. Além disso, foi anunciado o dia nacional de desinfecção do hipoclorito.

O isolamento social proíbe o trânsito de um estado para outro e somente pessoas que trabalham no setor de saúde e alimentação podem circular. O pessoal de segurança e serviços públicos também estão isentos de quarentena.

Com informações de: Araquereyna; Payet, Rey, Cauvi, Pérez y Beccar Varela.

 

                                                    COBERTURA 13-04-2020

México - Pacto com hospitais particulares

O governo mexicano anunciou um acordo com instituições privadas de saúde para combater a pandemia. No total, são 146 hospitais em 27 estados que atenderão pacientes cobrando as mesmas taxas de previdência social. Com isso, a rede de saúde pública planeja liberar mais de 3 mil leitos para atender pacientes da Covid-19.

No estado de San Luis Potosí, um contribuinte conseguiu uma suspensão provisória em um julgamento que decide sobre o perdão total ou parcial dos impostos contemplados no artigo 39 do Código Tributário. No entanto, isso não obriga o Executivo a emitir as medidas ou a concessão do amparo. O Judiciário prolongou oficialmente a suspensão do trabalho até 5 de maio.

Estados Unidos - Videochamadas do Judiciário

A Suprema Corte dos Estados Unidos anunciou que estará em sessão por teleconferência a partir de maio. A apresentação das alegações orais também será feita remotamente e os áudios serão transmitidos ao vivo para as mídias sociais. Entre os casos mais relevantes a serem abordados, estão duas tentativas de descobrir as declarações fiscais do presidente Donald Trump, meses antes da eleição.

Colômbia - Ajuda aos imigrantes

O governo de Iván Duque convocou a comunidade internacional a atender imigrantes venezuelanos durante a pandemia. Atualmente, mais de 1,8 milhão de migrantes da Venezuela estão na Colômbia e medidas de isolamento estão forçando-os a voltar para suas casas.

Brasil - Estudo aponta que número de casos pode ser dez vezes maior

O Brasil passou oficialmente pela barreira de 20 mil casos de Covid-19 neste fim de semana, mas alguns epidemiologistas e pesquisadores dizem que superam os 245 mil. O estudo foi realizado pelo projeto Nois (Núcleo de Operações e Inteligência em Saúde), que envolve a PUC-Rio, Fiocruz, USP e outras instituições. Os pesquisadores estabeleceram a estimativa com base nas taxas de mortalidade de casos, calculadas pelo número de mortes dividido pelo número de casos.

As principais cidades brasileiras já possuem altas taxas de ocupação de UTIs devido ao coronavírus. O Rio de Janeiro possui 71% dos leitos de UTI na rede estadual ocupada e São Paulo ocupa 56%, diz o prefeito Bruno Covas.

Peru - contágios no Congresso Nacional

Após participar de sessões por mais de 15 dias, foi confirmado que pelo menos quatro parlamentares, do recém-instalado Congresso, estão infectados com coronavírus.

Em entrevista coletiva, o presidente peruano disse que as medidas adotadas já estão dando resultado: a curva está se achatando. Como o país deve voltar às atividades em 26 de abril, foi anunciado que haverá multas para quem não cumprir as restrições à imobilização social, por exemplo, para quem fizer compras em grupos.

Com informações de Von Wobeser

                                             COBERTURA 7-4-2020

Argentina - Controvérsia sobre compras de alimentos

O governo de Alberto Fernández enfrenta um escândalo político quando foi descoberta a compra toneladas de alimentos a preços acima de mercado. O primeiro a ser demitido foi Gonzalo Calvo, secretário de Articulação para Políticas Sociais. Até o momento, não está claro se tudo isso foi resultado da falta de jeito ou corrupção de um grupo de funcionários.

México - Ampliação da equipe médica

O presidente Andrés Manuel López Obrador anunciou que mais de 7 mil médicos demonstraram interesse em ingressar na rede de saúde pública para combater o coronavírus. Destes, 3 mil foram contratados até o momento e serão incorporados aos hospitais. Segundo o governo, o país tem um déficit de 200 mil médicos.

Brasil - A renda básica da pandemia

O governo divulgou detalhes de como pagará a ajuda de R$ 600 a trabalhadores informais nesta terça-feira, onde destacou o portal da Internet e o aplicativo "Caixa Auxílio Emergencial" para que os beneficiários possam solicitar o dinheiro. A ajuda começará em 9 de abril e a Caixa abrirá mais de 30 milhões de contas poupança para quem receberá essa renda básica.

O Ministério da Saúde estima que em um mês o Brasil entrará na fase de aceleração descontrolada de casos de coronavírus. Prevê-se que os casos de Covid-19 diminuam a partir de meados de junho.

Equador - Mais cemitérios para a crise da saúde

Após a viralização de imagens dos corpos cremados nas vias públicas de Guayaquil, a prefeita Cynthia Viteri informou que vai construir dois cemitérios, em resposta à crise que está causando o coronavírus. Serão 12 hectares que poderão abrigar até 12.000 sepulturas gratuitas para as vítimas.

Bolívia - Prefeito viola quarentena e é preso

A polícia prendeu Tiburcio Choque, o prefeito de Patacamaya, por violar a quarentena e permitir que um banquete patronal fosse realizado em meados de março. Durante esta festa realizada na área central, seis pessoas foram infectadas com Covid-19 e mais uma morreu do vírus. Desde então, a cidade de 22 mil habitantes vive uma quarentena total.

 

 

                                                 COBERTURA 6-4-2020

Brasil - Bolsonaro vs. Mandetta

O presidente Jair Bolsonaro avalia de

 

mitir o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. Ele busca um nome que defenda a utilização da hidroxicloroquina para tratar pacientes com coronavírus.

O presidente está abalado com o crescimento da popularidade do ministro, que, segundo as últimas pesquisas, é quase o dobro da sua. Bolsonaro não concorda com as medidas de isolamento social defendidas por Mandetta, que vão de encontro ao que diz a Organização Mundial da Saúde.

No fim da tarde aconteceram vários "panelaços" contra o presidente e em apoio ao ministro da saúde , que tem realizado um trabalho aprovado pela população e outros políticos que defendem o isolamento.

Peru - Novos decretos para lidar com o coronavírus

O governo publicou três novas disposições no âmbito do estado de emergência sanitária. O primeiro é o decreto legislativo para criar o programa "reativar Peru", que visa garantir a cadeia de pagamentos contra o impacto da Covid-19, com a concessão de mais de US$ 8,6 bilhões de dólares.

Com isso, o Executivo financiará a substituição dos fundos de capital de giro das empresas que enfrentam pagamentos e obrigações de curto prazo com seus trabalhadores e fornecedores de bens e serviços. Isso será possível por meio de um mecanismo que conceda ao governo garantia aos créditos concedidos pelas empresas do sistema financeiro.

O segundo é o decreto supremo, que autoriza o Instituto Nacional de Defesa Civil (Indeci) a canalizar a entrega de doações em favor de entidades públicas e instituições de caridade e organizações sem fins lucrativos que atendem populações vulneráveis.

Por fim, foram publicadas disposições para garantir a aquisição, produção e fornecimento de produtos alimentícios sob protocolos de segurança e o uso obrigatório de máscaras.

O presidente sul-coreano Moon Jae-in ofereceu apoio ao Peru com tecnologia médica para combater a luta contra o coronavírus.

Chile - Proteção do emprego

A Lei de Proteção ao Emprego entrou em vigor. As novas disposições são transitórias e terão validade máxima de 10 meses.

A lei beneficia quatro milhões de pessoas. A relação de emprego dos trabalhadores impedidos de prestar seus serviços é protegida com a suspensão temporária de contratos, mantendo a previdência social. Além disso, há o acesso ao benefício do seguro-desemprego. Os trabalhadores também podem concordar com seus empregadores em reduzir seu horário de trabalho em até 50%.

Os trabalhadores manterão seu direito de receber bônus e atribuições, se houver.
Após a declaração da Organização Mundial da Saúde (OMS) que abriu as portas para o uso de máscaras, o Governo do Chile ordenou seu uso obrigatório em transporte público e privado. A medida é adicional àquelas já decretadas para reduzir as viagens durante as férias da Páscoa, quando não é possível entrar ou sair da capital.

República Dominicana

A presidência anunciou, por decreto, que haverá uma prorrogação por mais 15 dias do prazo das medidas adotadas pela crise da Covid-19. O prazo começou a contar a partir de 3 de abril.

O Conselho do Poder Judiciário aprovou o Regulamento de Coordenação de Tribunais, que estabelece mecanismos para agilizar os processos por meio do conhecimento virtual das solicitações, perante os gabinetes judiciais dos serviços de atenção permanente. Este sistema permite que as partes se conectem remotamente, garantindo seus direitos fundamentais.

Onze juízes coordenadores também foram nomeados para os departamentos judiciais. Isso garantirá a continuidade do trabalho e o bom funcionamento dos tribunais.

Nicarágua - A notória ausência do presidente

Daniel Ortega continua sem dar aparições públicas por mais de 24 dias no meio da crise do coronavírus. A epidemia não foi tratada de frente pelo governo, e dados oficiais apontam para apenas seis casos positivos e uma morte.

O país ainda não declarou quarentena, por considerar um exagero, e não cumpre as medidas preventivas da OMS (o único país na região a fazer isso). As ausências do presidente são consideradas normais, mas geralmente não excedem duas semanas.

Argentina - A dívida pública

O governo Fernández adiou até 2021 os pagamentos de juros e os principais pagamentos da dívida pública em dólares, emitidos no país por causa do coronavírus. Isso equivale a mais de US$ 9,8 bilhões, de acordo com estimativas publicadas na imprensa local. A dívida inclui todos os títulos sob a lei argentina que não estão sujeitos à arbitragem internacional.

                                                                 COBERTURA 2-4-2020
Peru - Novas restrições de tráfego

Como no Panamá, por meio de um decreto de emergência, foi estabelecido que segundas, quartas e sextas-feiras serão exclusivamente de trânsito para homens e às terças, quintas e sábados para mulheres. Com 11 dias para o término do período planejado de quarentena, o Executivo anunciou maiores restrições que eliminam algumas das atividades permitidas até o momento. A estratégia foi apelidada de "golpe do martelo" necessário para aplainar os efeitos da curva de contágio e um segundo "golpe de martelo" é esperado no futuro.

Chile- Modificação de permissões

A Subsecretaria de Prevenção ao Crime anunciou uma série de modificações nas autorizações de viagem durante a quarentena. Entre as mudanças, estão a redução para duas vezes por semana do pedido de compra em supermercados e a permissão para passear com animais de estimação será estendida para duas vezes por dia.

República Dominicana - Prorrogação da contingência

O governo estende o toque de recolher à noite por mais 15 dias, decretado a partir de 10 de março e vai das 17:00 às 18:00. Além disso, são mantidas suspensões de voos, proibição de chegada de navios de cruzeiro, interrupção de operações comerciais não essenciais e escolas .

Brasil - Pesquisa sobre coronavírus

O ministério da Saúde começa a realizar ligações automáticas para a casa dos brasileiros, numa tentativa de mapear o avanço da Covid-19 no país e identificar pacientes que precisam de atendimento médico. 

O ministro Luiz Henrique Mandetta anunciou a assinatura de um contrato de R$ 1,2 bilhão para compra de 8 mil respiradores. Ele disse também que o governo já tem esquema de logística montado para buscar os equipamentos de combate ao coronavírus na China. O ministério também fará campanha para incentivar o uso de máscaras de pano no país.

Equador - Medidas urgentes

O país anunciou que, a partir de 13 de abril, avaliará os estados da epidemia usando as cores semelhantes às de um semáforo para determinar o grau de restrições. Atualmente, o páis possui a maior taxa de mortalidade na América Latina, com 120 mortes entre 3.163 infectados. Imagens de corpos cremados em vias públicas circulam na imprensa devido à falta de resposta do governo à crise.

A jornada de trabalho permanecerá suspensa até 12 de abril e, durante todo o mês, não haverá aulas e grandes eventos. A proibição de viagens nacionais e internacionais também será mantida.

                                                                          COBERTURA 1-4-2020

Peru - Vizcarra desaprova comportamento de fundos de pensão

O presidente Martín Vizcarra desaprovou o comportamento dos administradores de fundos de pensão (AFP) e pediu aos cidadãos que apoiassem sua decisão de que o valor máximo a ser retirado do fundo de poupança é de até US$ 580.

Essa medida é apenas para pessoas que não fizeram contribuições nos últimos seis meses. Além disso, ele anunciou que apresentará um projeto de reforma previdenciária assim que o estado de emergência terminar.

Argentina - Medidas contra demissões

O governo emitiu um decreto de necessidade e urgência para ajudar as empresas e evitar demissões em massa durante a crise. O plano consiste principalmente em duas medidas. Primeiro, o adiamento ou redução de até 95% das contribuições dos empregadores para o Sistema Integrado de Seguridade Social da Argentina. Da mesma forma, contempla a Alocação Remuneratória ao Salário para todos os trabalhadores de empresas com até 100 funcionários. Para empresas com mais de 100 trabalhadores, é estabelecido um benefício entre 6 mil e 10 mil pesos argentinos.

O país torna o fechamento de fronteiras mais flexível do que antes. A partir desta quarta-feira, foi autorizado o desembarque de dois vôos diários em Buenos Aires e em nenhum momento mais de 700 pessoas por dia entrarão.

Cuba - O isolamento da ilha

O governo anunciou o fechamento de todos os voos comerciais e privados a partir desta quinta-feira (2). Também pediu a remoção de todas as embarcações de turismo estrangeiras de suas águas territoriais. O presidente Miguel Díaz-Canel suspendeu o icônico desfile de 1º de maio.

Brasil - Ajuda aos trabalhadores durante a crise

O Senado aprovou uma medida que possibilita fazer acordos com empresas e pagar uma parte do salário dos trabalhadores sob um contrato formal durante a pandemia. O governo pode pagar até três salários mínimos US$ 597 (R$ 3.135 ) por mês aos trabalhadores, mas os empregadores são impedidos de demitir funcionários até 12 meses após o término do auxílio.

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quarta-feira (1) o projeto de lei que autoriza o pagamento de ajuda de emergência de R$ 600 por três meses a trabalhadores informais. A sanção foi feita dois dias depois que o Congresso aprovou o texto. O governo também decidiu estender o prazo de entrega da declaração de imposto de renda (IR) de 30 de abril para 30 de junho.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que as compras brasileiras de equipamentos de proteção individual, como máscaras e chapéus da China, "caíram" depois que os Estados Unidos adquiriram um grande volume de produtos.

Chile - Medida de proteção ao emprego.

O Congresso aprovou uma lei que autoriza o acesso ao seguro-desemprego. O projeto autoriza a suspensão automática de contratos de trabalho nas regiões em que o governo decretou a suspensão de atividades (com exceção de um contrato prévio, trabalho remoto ou atividades essenciais).

As empresas que enfrentam dificuldades financeiras podem, após consultar os sindicatos, reduzir o horário de trabalho e os salários em até 50%. Os funcionários podem acessar os benefícios do seguro-desemprego para compensar o déficit. A lei proíbe rescindir contratos de trabalho, invocando uma causa de força maior derivada da pandemia.

Com informações do DLA Piper Chile.

                                               COBERTURA 31-03-2020

Brasil - Mudança de tom de Bolsonaro

Bolsonaro fez um pronunciamento em rede nacional de televisão e rádio na noite de terça-feira (31). Desta vez, ele mudou de tom, e chamou a situação de o "maior desafio da nossa geração". Desta vez ele não defendeu o fim do isolamento social, como fez em outro pronunciamento na semana passada.

O ministro da Saúde, Henrique Mandetta, disse também na terça-feira (31) que medidas de isolamento social impostas pelos governos estaduais e recomendadas pelo Ministério da Saúde impediram o Brasil de registrar um aumento no número de casos da Covid-19.

Um projeto de emergência do Senado procura autorizar pagamentos em atraso, incluindo aluguel. Se aprovada, a lei 1.179 / 2020 também adia a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que deverá entrar em vigor em agosto, por mais 18 meses.

República Dominicana - Fundo de Solidariedade

A Comissão de Assuntos Econômicos e o Ministério das Finanças criaram o Fundo de Assistência à Solidariedade ao Empregado (Fase) para transferir entre US$ 90 e US$ 150 por mês para cada funcionário formal que foi suspenso do trabalho.

A contribuição será de 60 dias e não contribui para a seguridade social, nem será levada em consideração no cálculo do salário de Natal. As empresas interessadas em aproveitar o programa devem se inscrever a partir de 2 de abril.

O Banco Central expandiu suas medidas econômicas: instou as entidades de intermediação financeira com recursos suficientes a contribuir para setores produtivos e famílias nos próximos meses. O objetivo é alcançar US$ 3,17 bilhões de dólares.

Outras medidas são aumentar as facilidades de liquidez em moeda estrangeira para as entidades de intermediação financeira e reduzir o índice de reserva legal em moeda nacional para os bancos de poupança e crédito em 0,5%.

Panamá - Turnos por sexo
Dado o aumento de infecções, o Executivo ordenou que as duas horas que o país tem para realizar procedimentos financeiros e estocar remédios e alimentos sejam trocadas entre homens e mulheres, de acordo com o último número de carteira de identidade ou passaporte. Às segundas, quartas e sextas-feiras, as mulheres saem e, às terças, quintas e sábados, homens.


Chile - Hipotecas na mira
Diante de reclamações de usuários sobre ofertas bancárias para adiar o pagamento de empréstimos hipotecários, o Serviço Nacional de Consumo está monitorando as informações do setor financeiro para prevenir, punir e conter o abuso do consumidor.

O Ministério da Economia e a Câmara de Comércio lançaram um programa para disponibilizar um plano de mediação pro bono para pequenas e médias empresas. Serão pelo menos mil. O objetivo é evitar o acúmulo de ações judiciais por quebra de obrigações contratadas.

O AFP Uno, um dos administradores de fundos de pensão do Chile, propôs que, enquanto o estado de emergência durar, as pessoas poderão retirar 5% de suas economias. As AFPs estão buscam um projeto para formar um fundo através do qual os créditos são entregues a pequenas e médias empresas.

Colômbia - A fase de mitigação
O Ministério da Saúde da Colômbia informou que o país está entrando na fase de mitigação do Covid-19. Esta decisão é tomada devido ao fato de as pessoas infectadas, sem um nexo de contágio, excederem 11% em comparação com os casos identificados com um nexo. A Colômbia quer geolocalizar infecções.

O governo anunciou o reembolso do imposto sobre valor agregado (IVA) para mais de um milhão de pessoas em condições vulneráveis.

O Ministério do Trabalho alertou sobre os abusos de coerção por parte dos empregadores. Ele lembrou as diretrizes estabelecidas pelo Tribunal Constitucional e detalhou que os trabalhadores não podem ser obrigados a aceitar licença não remunerada. Da mesma forma, o ministério explicou que não é competente para determinar se há força maior, para alegar essa causa na suspensão de contratos.

A Autoridade Nacional de Licenças Ambientais informou que os termos de suas ações administrativas não foram suspensos.

Em Bogotá, o Instituto de Desenvolvimento Urbano (UDI) ordenou a suspensão dos contratos celebrados para obras de infraestrutura rodoviária. Aqueles que são necessários para atender à situação de emergência são excluídos da medida.

Uruguai - Benefícios de desemprego
No Uruguai, também foi aprovada a criação de um regime especial de subsídio de desemprego válido por 30 dias. Os beneficiários do auxílio são trabalhadores suspensos parcial ou permanentemente, ou cujo horário de trabalho foi reduzido. O valor pelo qual eles receberão o subsídio será de 25% do que o trabalhador recebeu durante os seis meses anteriores ao estado de emergência.

Os diferentes tipos de licenças permitidos durante a emergência já foram concedidos devido à presença do Covid-19 no país. Como requisito para o seu funcionamento, essas licenças devem ter sido acordadas de comum acordo entre o empregador e trabalhadores e estar registrado no Ministério do Trabalho e Previdência Social.

Outra licença acordada entre o sindicato e a indústria da construção foi determinada para que até 5 de abril fossem concedidas licenças aos trabalhadores sem remuneração e o pagamento de um item extra a todos os funcionários beneficiados.

Argentina - Suspensão de pagamentos
Foi ordenado congelamento, até 30 de setembro, de pagamentos de aluguel de moradias urbanas ou rurais; residências familiares ou pessoas; edifícios destinados a atividades culturais ou comunitárias e edifícios alugados por pessoas que são membros do monotax, por micro, pequenas e médias empresas e por cooperativas de trabalho ou empresas registradas no Instituto Nacional de Associativismo e Economia Social. A extensão será excluída se o proprietário provar vulnerabilidade.

Os prazos para a execução de sentenças judiciais com o objetivo de despejar pessoas do setor imobiliário também foram suspensos e os contratos de aluguel prorrogados até o mesmo dia, 30 de setembro.

Para as micro, pequenas e médias empresas a medida também será válida, desde que possam recorrer ao sistema de regularização de dívidas tributárias e recursos previdenciários, além do perdão de juros, multas e outras sanções.

O Ministério do Trabalho, Emprego e Seguridade Social anunciou a prorrogação até 31 de maio para pagar os vencimentos dos benefícios de desemprego. A Superintendência de Riscos Trabalhistas publicou uma provisão para as empresas adotarem medidas de segurança e reduzirem os riscos dos trabalhadores.

Equador - mortes mostradas nas redes sociais
O sistema de saúde entrou em colapso em Guayaquil. Depois que os usuários nas redes sociais exibiram os corpos de pessoas mortas infectadas pelo Covid-19 nas ruas sem serem levantadas, por até dois dias. O presidente equatoriano Lenín Moreno anunciou uma série de medidas sociais. Trazer pessoas sem-teto para lugares adequados, reforçar as brigadas de serviços de saúde para visitar famílias e verificar seu status, e aumentar a quantidade de voluntários.

O Ministério do Trabalho, por acordo ministerial, autorizou as empresas a efetuar o pagamento dos lucros até 90 dias após o horário estabelecido por força maior ou evento fortuito, mas deve ser credenciado. Além disso, foi anunciado que seria possível pagar dívidas fiscais para o ano fiscal de 2019, em abril, maio e junho.

Com informações de Brigard Urrutia (Colômbia); Pagbam (Argentina); Payet, Rey, Cauvi, Pérez Abogados (Peru) e Pellerano & Herrera (República Dominicana).

                                                            COBERTURA 30-03-2020

México - Emergência sanitária emitida
O Governo declara emergência de saúde por força maior e concede ao Ministério da Saúde poderes para emitir as medidas necessárias para combater a pandemia.

De 31 de março a 30 de abril, é ordenada a suspensão imediata de atividades não essenciais nos setores público, privado e social. No entanto, o isolamento continua sendo voluntário e um toque de recolher está descartado por enquanto (embora alguns governos locais os estejam implementando há dias). A partir de 1º de maio, está contemplado o retorno gradual às atividades econômicas regulares.

Sem dar muitos detalhes, o ministro das Relações Exteriores Marcelo Ebrard afirma que os trabalhadores de todo o território têm o direito de usufruir de remuneração durante esse período de contingência. Caso as empresas recusem, ele ressalta que haverá sanções.

Peru - Ampliação do toque de recolher


O presidente do Peru, Martín Vizcarra, anunciou que os trabalhadores que não estiverem em folha de pagamento poderão sacar até US$ 580 de suas economias nas administradoras de fundos de pensão (AFP).

Em relação à solicitação do governo de legislar por 60 dias sobre assuntos que atendam à emergência sanitária, o Congresso decidiu permitir 45 dias, e negando que a Controladoria faça um controle simultâneo "em tempo real". No entanto, Vizarra apresentou uma nova proposta insistindo em sua importância.

Além disso, em 27 de março, o recém-instalado Congresso aprovou a "Lei de Proteção à Polícia". Isso estabelece que sempre que um policial enfrentar um processo criminal ou civil por causar a morte ou ferimento a uma pessoa, em cumprimento de suas obrigações, o princípio da razoabilidade dos meios será interpretado em favor do funcionário.

Em questões administrativas, a Agência de Supervisão para Compras do Estado (Osce) reconheceu o isolamento social obrigatório como causa de força maior. Além disso, o prazo para a declaração e pagamento da contribuição por regulamento à Agência de Avaliação e Inspeção Ambiental (Oefa) foi estendido para os setores de mineração e petróleo.

Por meio de uma resolução ministerial, comerciantes poderão fazer máscaras faciais para uso comunitário. As especificações técnicas foram aprovadas para pequenas e médias empresas.

Para de reforçar as medidas adotadas para evitar o contágio massivo do Covid-19, a partir desta quarta-feira(31), foram prolongadas as horas de isolamento social compulsório. Haverá um toque de recolher a partir das 18h até 5 da manhã. O horário será estendido nas regiões de Loreto, Piura, Tumbes e La Libertad, regiões onde a população resistiu, não respeitando as medidas de prevenção contra o Covid-19 e há mais detidos.

Colômbia - Mais poderes para os trabalhadores


O Ministério do Trabalho informou que os poderes que empregadores e trabalhadores têm que usar a seu favor durante o estado de emergência são: a solicitação de férias com um dia de antecedência; proibição de demissões para trabalhadores; possibilidade de férias precoces ou coletivas e, em certos casos, diferimento do pagamento de questões parafiscais.

O setor de transportes poderá fazer acordos sem ser processado em questões de concorrência, para que a questão logísticas seja eficiente. Isso valerá apenas durante o estado de emergência.

O Ministério dos Transportes, para apoiar a indústria aeronáutica, estabeleceu que as companhias aéreas podem reembolsar e compensar, até um ano depois, os passageiros afetados pelas medidas migratórias adotadas pelos Estados. A compensação pode ser por milhas, passagens aéreas, bônus ou outros. Também foI suspensa a cobrança de taxas pelos espaços nos aeroportos.

Em relação ao processamento de dados pessoais, a Superintendência da Indústria e Comércio esclareceu que as empresas de telefonia podem fornecer os dados necessários para controlar a disseminação do coronavírus.


Chile - Apoio aos mais vulneráveis

O presidente Sebastián Piñera anunciou seu plano de solidariedade, no qual 40% das famílias de baixa renda acessam a internet gratuitamente por 60 dias e terão facilidades para pagar pelos serviços de eletricidade e água. Além disso, o governo criou o “Comprovante Covid-19”. Essa ajuda será destinada a 60% dos chilenos com renda mais baixa e para aqueles sem emprego formal.

A Subsecretaria de Saúde Pública tem agora permissão para estabelecer preços máximos para certos medicamentos, suprimentos e benefícios ou serviços de saúde; bem como limitar o número máximo de mercadorias que podem ser vendidas por pessoa.

Essa subsecretaria estabeleceu um pagamento máximo de US$ 6,66 por metro quadrado por mês, pelo aluguel de imóveis que serão usados para enfrentar a pandemia. O preço do teste para detectar Sars, gripe, herpes e outros, foi fixado em US$ 29.

O Serviço Nacional de Pesca e Aquicultura (Sernapesca) emitiu provisões para a indústria do salmão, para evitar a circulação de pessoal durante a contingência de saúde. Agora é permitido adiar ou avançar o início do descanso sanitário; estender o prazo de permanência nos centros de coleta; adiar ou prolongar os períodos usuais e o período de limpeza e desinfecção de estruturas.

Argentina - Mais duas semanas de isolamento

Neste domingo (29), o presidente Alberto Fernández anunciou que estenderá o isolamento social obrigatório por mais 14 dias. Com isso, foram congelados os aumentos nas parcelas de crédito hipotecário e penhor.

É necessária uma permissão especial para poder circular em veículos na Argentina e sanções criminais foram estabelecidas para aqueles que não cumprem o isolamento social. As pessoas só podem deixar suas casas para comprar alimentos e medicamentos; além de realizar operações financeiras. Argentinos residentes no exterior estão proibidos de entrar no país.

Brasil - Ministério Público quer multar Bolsonaro

O Senado aprovou nesta segunda-feira (30), em sessão virtual, o projeto de lei que prevê a transferência de R$ 600 por mês para trabalhadores informais. O texto prevê esse pagamento por três meses.

O promotor público Julio José Araujo Junior, do Ministério Público Federal do Rio de Janeiro, pediu ao Tribunal Federal que imponha uma multa de R$ 20 mil ao presidente Bolsonaro, depois que ele "caminhou em cidades satélites do Distrito Federal" no domingo . O MP também pede que a multa suba para R$ 100 mil em caso de reincidência. A solicitação de Araújo Junior é baseada na não observância do isolamento social recomendado pela Organização Mundial da Saúde.

Entre 21 de fevereiro e 20 de março, os investidores não residentes no Brasil retiraram mais de US$ 7 bilhões (R$ 35,7 bilhões) da economia.

El Salvador - Aprovada emissão de títulos para ajudar no combate ao coronavírus

A Assembléia Legislativa aprovou o governo a emissão de US$ 2 bilhões em títulos de crédito. Estes podem ser colocados no mercado nacional, internacional ou mediante a contratação de créditos. O objetivo é financiar o Fundo de Emergência, Recuperação e Reconstrução Econômica do país.


Guatemala - Pacote de créditos de baixo custo

A Guatemala estendeu o toque de recolher até 12 de abril. Nenhuma pessoa pode estar fora de casa entre as 16h e 4 da manhã. A decisão presidencial proíbe qualquer tipo de evento que envolva conglomerados de pessoas.

O Estado anunciou uma proposta para financiar entidades financeiras para conceder empréstimos de baixo custo. Além disso, existe um plano para os bancos fornecerem facilidades aos usuários, como pagamentos diferidos.

Honduras - Toque de recolher 

O presidente Juan Orlando Hernández informou que a imobilização social no país durará até 12 de abril. O toque de recolher é absoluto em Honduras.

Da mesma forma, o Executivo suspendeu os pagamentos de sua dívida junto ao Banco Mundial no período de contingência. O Banco Centro-Americano de Integração Econômica (Cabei) concederá ao país US$ 50 milhões para reforçar suas ações contra a propagação do coronavírus.

Com informações de Miranda e Amado (Peru) Rodrigo, Elías & Medrano (Peru); Brigard Urrutia (Colômbia); Carey (Chile); Basham (México), Arias (América Central) e Consortium Legal (América Central).

                                                            COBERTURA 26-03-2020

Peru - Ampliação do estado de emergência 

O presidente do Peru, Martín Vizcarra, estendeu o isolamento social obrigatório por 13 dias. Ele espera que o estado de emergência termine no domingo, 12 de abril.

Em questões trabalhistas, o presidente disse que o Estado dará um subsídio de 35% a trabalhadores com salários inferiores a US$ 440. Da mesma forma, a suspensão é aprovada, para o mês de abril, da contribuição para os administradores de fundos de pensão (AFP) e a retirada de até 700 dólares de compensação por tempo de serviço (CTS).

O presidente enviou um projeto de lei ao recém-instalado Congresso para delegar a ele o poder de legislar por 60 dias sobre: ​​saúde; política fiscal e tributária; promoção de investimento público; segurança cidadã e ordem interna; trabalho e promoção de emprego; educação; prevenção e proteção de pessoas em situações vulneráveis; bens e serviços para a população; proteção dos setores produtivo, extrativo e de serviços; promoção cultural; turismo e controle de aquisições e investimentos.

Uma das primeiras iniciativas propostas pelo Congresso envolve a retenção do imposto milionário. Isso se traduziria em arrecadação entre 0,22% e 1% para quem fatura US$ 290 mil por ano; entre 1% e 2% para aqueles que faturam US$ 2 milhões e entre 2% e 3% para aqueles com renda superior a US$ 14,6 milhões.

Em relação às medidas sociais, o Executivo concederá um vale-alimentação básico e cestas para trabalhadores independentes, incluindo trabalhadores informais. Estima-se que nesta área haja cerca de 800 mil famílias.

O governo chamou a reserva orgânica do Exército, as gerações mais recentes: 2018 e 2020. Um registro de violadores da quarentena obrigatória também foi criado para ser denunciado criminalmente.

Brasil - Trabalhadores informais terão auxílio de 600 reais durante a crise e templos permanecem abertos

O Congresso aprovou na noite de ontem uma ajuda de R$ 600 para quem não tem carteira assinada. A sessão foi virtual e o projeto foi aprovado num consenso entre todos os partidos. Terá direito ao benefício quem não tem emprego formal, tenha mais de 18 anos, ganhe até três salários mínimos (R$ 3.135) ou R$ 519 reais por pessoa.

Jair Bolsonaro decretou que o exercício da liberdade de culto é tão essencial quanto as farmácias e supermercados. Portanto, as igrejas, independentemente da religião, permanecerão abertas ao público.

Colômbia - Isenções fiscais nos Estados

O governo de Iván Duque autorizou governadores e prefeitos a reduzir impostos em seus territórios. Até agora, os municípios de Tunja e Cali usaram seu poder para modificar seus cronogramas de impostos.

O executivo anunciou incentivos sociais para famílias com dificuldades econômicas e para jovens. Além disso, entidades financeiras e bancárias, como Bancolombia, Banco de Bogotá e BBVA, criaram planos para congelar parcelas de crédito e juros para seus usuários.

Chile - linhas de crédito

O Banco Central informou que, para dar liquidez à economia, disponibilizará uma linha de crédito condicional para aumentar empréstimos e uma linha financeira especial para empresas bancárias. O objetivo é refinanciar empréstimos para famílias e empresas que não têm acesso ao mercado de capitais.

Argentina - Fim das comissões

O Banco Central da República Argentina (BCRA) informou que as entidades financeiras não podem cobrar taxas ou comissões por qualquer operação, seja depósitos, saques, consultas, entre outras. Nem serão realizadas operações com o uso de caixas eletrônicos.

Costa Rica - Suspensão dos contratos de trabalho

No país, o isolamento é para pessoas com uma ordem sanitária, embora a princípio eles pudessem sair para estocar alimentos e remédios. Agora eles não serão capazes de fazê-lo, exceto para ir a consultas médicas. Obrigações de higiene, interação e disponibilidade em mídia eletrônica foram estabelecidas para pessoas infectadas.

A suspensão temporária dos contratos de trabalho e a redução do horário de trabalho foram aprovados. O Fundo de Seguridade Social da Costa Rica aprovou uma redução de 75% na base tributária mínima para seguro de saúde e previdência. As contribuições de empregadores e trabalhadores independentes para os meses de março, abril e maio.

Recentemente, o Ministério do Planejamento Nacional e Política Econômica anunciou que as despesas não essenciais do setor público, como viagens, serão cortadas.

O Ministério da Saúde da Costa Rica emitiu diretrizes obrigatórias para enfrentar a pandemia do Covid-19 dos condomínios. Os administradores foram instruídos a: estabelecer um canal de comunicação com inquilinos ou proprietários de condomínios e, se houver algum com sintomas de coronavírus ou doenças respiratórias, coordenar com as autoridades de saúde.

Eles também foram solicitados a garantir que os espaços comuns não sejam utilizados, a cancelar todos os tipos de reuniões e a informar, por todos os meios, as diretrizes do Ministério da Saúde. Além disso, eles devem garantir que o pessoal administrativo, de manutenção e segurança tenha suprimentos para se proteger.

Paraguai - Direitos dos trabalhadores

O Executivo estabeleceu novas disposições sobre procedimentos digitais, medidas de transparência, responsabilidade, proteção de dados pessoais e teletrabalho.

O Ministério do Trabalho, Emprego e Seguridade Social recomendou aos empregadores que, durante o período de contingência, eles possam conceder férias aos seus trabalhadores,caso precisem de menos pessoal ativo; pagar o bônus antecipadamente e suspender o contrato de trabalho, desde que o empregador cumpra determinados requisitos.

Outras medidas no país que solicitam isolamento social voluntário são: isenção de multas por não conformidade ou conformidade tardia. Também foi estabelecido um regime transitório e excepcional de facilidades de pagamento de imposto de renda pessoal (IRP).

Com informações de Carey para o Chile; Brigard Urrutia pela Colômbia; Árias e ECIJA para a Costa Rica; Vouga Abogados e Ferrere para o Paraguai.

                                    COBERTURA 25-03-2020

Chile - Isolamento Obrigatório

O Ministério da Saúde informou que a partir das 22h,na quinta-feira 26, haverá isolamento social obrigatório nas comunas de Lo Barnechea, Vitacura, Las Condes, Providencia, Ñuñoa, Santiago e Independencia. Isso evita que mais de um milhão de pessoas deixem suas casas.

A Lei do Teletrabalho e do Trabalho Remoto foi promulgada e entrará em vigor em abril. Foi apresentada pelo executivo há dois anos. Apenas o teletrabalho foi mencionado no Código do Trabalho chileno. Por essa norma, trabalhadores agora têm o direito de se desconectar por 12 horas e os acidentes de trabalho são prolongados. Além disso, os empregadores deverão fornecer aos trabalhadores ferramentas para desempenhar suas funções. Eles têm o direito de não usar elementos de sua propriedade para realizar seu trabalho.

A Central Unitária de Trabalhadores (CUT) criticou o projeto por considerar que ele gera insegurança no emprego.

Peru - Contingência ampliada

Nesta quinta-feira, dia 26, o governo anunciará se o prazo de isolamento social obrigatório é ou não prorrogado. O Peru já completou 10 dias com esta medida.

Foi aprovado o “Regulamento Operacional do MYPE Business Support Fund”, que concede empréstimos de cerca de US$ 9 mil a pequenas e médias empresas através de entidades financeiras e cooperativas de poupança. Dura cinco anos e, para acessá-lo, é necessário um acordo de confiança.

Martín Vizcarra, presidente peruano, anunciou que os trabalhadores estão serão avaliados para retiradas de até US$ 700 do seu fundo de compensação por tempo de serviço (CTS).

México - Linhas de crédito aprovadas

A Comissão Nacional de Bancos e Valores Mobiliários emite novas medidas para congelar os créditos pessoais entre quatro e seis meses. O deferimento pode ser parcial ou total e será aplicado a empréstimos vigentes a partir de 28 de fevereiro. Isso inclui empréstimos à habitação garantidos por hipotecas e empréstimos rotativos e não-rotativos direcionados a pessoas físicas,  como crédito para automóveis, pessoas.  folha de pagamento, cartão de crédito e microcrédito.

Argentina - Suporte financeiro

O Banco Mundial anunciou que apoiará a Argentina com um empréstimo de US$ 300 milhões para assistência social em atenção ao país para enfrentar o Covid-19.

Alberto Fernández anunciou que o governo está prestes a apresentar um projeto para congelar arrendamentos de moradias e parcelas de empréstimos hipotecários por 180 dias. Além disso, ordenou que o Ministério das Relações Exteriores apoiasse com recursos econômicos os argentinos que aguardavam vôos para retornar ao seu país.

Brasil - Prognóstico de infecções

O aumento de infecções no país é de 34,5% em um dia. A taxa de mortalidade é de 2,4%. Um relatório da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) revelou que o Brasil poderia ter 207.435 casos de coronavírus e 5.571 mortes a partir de 6 de abril, segundo o site do Intercept Brasil, que teve acesso ao documento confidencial.

Equador - Novas medidas de contingência

O segundo país com mais infecções por coronavírus projetou e disponibilizou aos equatorianos um aplicativo chamado Salud EC, que, com o processamento de dados pessoais, fornece informações sobre infecções por Covid-19. Este aplicativo tem como objetivo desencorajar a população a se deslocar para os centros de saúde, hospitais ou consultórios médicos pessoalmente, se os sintomas da infecção não forem graves.

Os usuários podem ligar automaticamente para o 911, relatando sintomas de gravidade devido à infecções e revisando os protocolos de saúde publicados pelo Ministério sobre o assunto. O aplicativo pode geolocalizar seus usuários através de um mapa.

Além disso, o governo de Lenin Moreno criou um programa para incentivar os equatorianos a levar para casa os produtos dos agricultores locais.

Uruguai - Isolamento Voluntário

Luis Lacalle Pou comunicou que, nos próximos dias, seu governo aprofundará as medidas para enfrentar o Covid-19. No Uruguai, o isolamento continua sendo voluntário.

O executivo também anunciou uma série de medidas para contribuir com a liquidez da economia. As organizações multilaterais concederão linhas de crédito ao Banco da República Oriental do Uruguai (BROU), para que, por sua vez, possa conceder financiamento a empresas com taxas reduzidas e prazos estendidos.

A linha de crédito será de US$ 50 milhões e o fundo do sistema nacional de garantia para conceder empréstimos a pequenas e médias empresas será aumentado em US$ 2,5 bilhões. O pagamento dos monotributistas ao Banco de Seguridade Social (BPS) foi diferido para pagamento a partir de junho. Cerca de 60% serão pagos em seis parcelas e os 40% restantes serão subsidiados pelo governo.

Venezuela - Créditos especiais

O decreto coletivo e de quarentena social anunciado pelo presidente Nicolás Maduro não é a única medida que o governo venezuelano tomou para lidar com o Covid-19.

No domingo passado, foram emitidas algumas disposições para "diminuir" o impacto do coronavírus. O pacote estrito de conformidade de seis meses inclui a aprovação de condições especiais para empréstimos comerciais já concedidos: suspensão de pagamentos de capital e juros de todos os empréstimos no país e reestruturação dos termos de acesso a empréstimos a favor pequenos e médios produtores, com ações especiais para as PME.

Foram proibidos cortes nos serviços de eletricidade, gás, água, telefone e internet. O governo ratificou a imobilidade trabalhista até dezembro de 2020, com a ativação de um plano especial de pagamento da folha para pequenas e médias indústrias e foi estabelecida a supressão imediata do pagamento de aluguéis comerciais e habitacionais.

A vice-presidente Delcy Rodríguez informou na quarta-feira que a OMS aprovou US$ 2 bilhões "para apoiar um grupo de países que exigem atenção especial na luta contra essa pandemia e a Venezuela faz parte desse grupo".

Una-se à discussão!

HTML Restringido

  • Allowed HTML tags: <a href hreflang> <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.
  • Web page addresses and email addresses turn into links automatically.