Skip to main content
PEMEX
PEMEX

Mexicana Pemex faz emissão e redefine perfis de dívida

A empresa também recompra notas com vencimento em 2020
por Ingrid Rojas
publicado em11/03/2020
Compartilhar
Tags

Mexico

A Petróleos Mexicanos (PEMEX) emitiu títulos no mercado internacional por US$ 5 bilhões em duas parcelas:

º Títulos por US$ 2,5 bilhões com cupom de 5,95% e prazo de 11 anos (com vencimento em 2040).

º Obrigações no valor de US$ 2,5 bilhões, com prazo de 40 anos (vencimento em 2060) e cupom de 6,95%.

A oferta pública foi realizada em 21 de janeiro. O escritório Cleary Gottlieb Steen & Hamilton - Estados Unidos (Nova Iorque) assessorou em questões tributárias. Advogados internos representaram a Pemex.

As firmas Ritch, Mueller, Heather e Nicolau (Cidade do México) e Shearman & Sterling - Global assessoraram a Barclays Capital, BBVA Securities, BNP Paribas Securities, J.P. Morgan Securities, Morgan Stanley, MUFG Securities Americas, Scotia Capital (EUA) e SMBC Nikko Securities America. Os bancos foram agentes de colocação na emissão e atuaram como administradores na oferta de troca feita junto com a emissão. A Shearman & Sterling não respondeu aos nossos pedidos de informação.

Em comunicado, a Pemex informou que é a primeira vez que realiza uma emissão com prazo de 40 anos nos mercados internacionais, excedendo os prazos máximos de 30 anos atingidos. A empresa estatal garantiu que esta operação não eleva o saldo de sua dívida, que excede os US$ 100 bilhões.

# A Pemex🇲🇽 realizou uma operação de refinanciamento de sua dívida com a colocação no mercado internacional de capitais de dois títulos de referência por 11 e 40 anos, no valor total de 5 bilhões de dólares. Com isso, uma redução significativa na dívida foi alcançada. pic.twitter.com/evR3PFQax8

- Petróleos Mexicanos (@Pemex) 29 de janeiro de 2020

 

Com uma parte dos recursos captados - US$ 800 milhões - a empresa financiará a recompra de seus títulos em dólares vencidos este ano. Outros US$ 2 bilhões serão destinados à troca de 10 séries de notas de vencimento entre 2021 e 2026 e quatro títulos com vencimento entre 2044 e 2048, por notas recém-emitidas. Os recursos restantes serão utilizados para pagar outras dívidas.

A emissão das duas novas séries de títulos de referência da Pemex, que registraram uma demanda de 5,2 vezes o valor oferecido, foi efetuada no Programa de Bônus Médio Prazo por US$ 112 bilhões.

Representantes da firma Cleary Gottlieb disseram que a oferta de dívida e a transação de gerenciamento de passivos fortalecem a situação financeira da companhia de petróleo mexicana.

Em setembro passado, a Pemex emitiu títulos de 7, 10 e 30 anos por US$ 7,5 bilhões.

________________________________________

Assessores jurídicos

Assessores de Petróleos Mexicanos (Pemex):

  • Cleary Gottlieb Steen & Hamilton - Estados Unidos (Nova Iorque): Sócios Jorge U. Juantorena, David C. Lopez, Manuel Silva e Jason R. Factor. Associados Alejandro Canelas Fernández, Martin Simonis, Lorenz Haselberger, Amy Hinz e Michael H. Sims. Advogada internacional Laura Hernández. Assistentes jurídicos Sofía Sequeira-Murillo e Brayan Acevedo.

Assessores de Barclays Capital, Inc, BBVA Securities, Inc., BNP Paribas Securities Corp, J.P. Morgan Securities LLC, Morgan Stanley & Co. LLC, MUFG Securities Americas, Inc., Scotia Capital (USA), Inc. e SMBC Nikko Securities America, Inc.:

  • Ritch, Mueller, Heather y Nicolau, S.C. (Cidade do México): Sócio Luis Nicolau Gutiérrez. Associado Luis Alonso Suárez del Real Tostado.

Una-se à discussão!

HTML Restringido

  • Allowed HTML tags: <a href hreflang> <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.
  • Web page addresses and email addresses turn into links automatically.