práticas anticorrupção

Ainda quando a Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Guatemala, México, Panamá e Peru, os oitos países objeto de estudo, se comprometeram diante de convenções internacionais a combater a corrupção, não destinaram os recursos suficientes, ou melhor, não tiveram vontade política para enfrentar o problema em termos reais.
Novo estudo do Vance Center avalia os esforços legislativos e regulatórios de oito países da América Latina.